Dicas e Guias

Dicas para escolher mobiliário de exterior: 6 coisas a considerar quando escolher os seus conjuntos de jardim!!

Procura dicas de peritos para a escolha de mobiliário de exterior? Desde o estilo, no tamanho do seu espaço à facilidade de manutenção, temos todos os conselhos que precisa.

Estas dicas para escolher mobiliário de exterior, são apenas o começo se estiver à procura de uma atualização com estilo. Afinal, os conjuntos de jardim desempenham um papel crucial na forma como utiliza o seu espaço exterior, pelo que tem de se certificar de que satisfazem devidamente as suas necessidades. Mas com tantos designs à escolha, pode ser complicado conhecer o melhor estilo para si. Não se preocupe – estamos aqui para ajudar.

Se já verificou as nossas ideias de mobiliário de jardim, saberá que há muito mais em oferta do que apenas um banco ao ar livre. Hoje em dia, pode encontrar sofás de canto, camas  gloriosas, cadeiras oscilantes, e até mesas de café que se dobram, e muito mais. Quaisquer que sejam as suas necessidades de assentos no jardim, existe um design que se adequa perfeitamente ao seu espaço, estilo e orçamento.

Não é segredo que, quer necessite de assentos ou superfícies, o melhor mobiliário de jardim transformará totalmente a funcionalidade e o aspeto do seu espaço. É agora mais fácil do que nunca recriar o mesmo conforto e estilo do seu espaço interior ao ar livre.

Mas para escolher os designs certos, há algumas coisas que precisa de considerar. Ninguém quer investir numa nova configuração apenas para se aperceber, cerca de uma semana mais tarde, que ela não se ajusta bem.

Leva o seu tempo a considerar devidamente todas as opções de mobiliário exterior disponíveis assegurará que esta é uma compra que funcionará perfeitamente para o seu espaço e que durará muitos anos no futuro. Por isso, continue a ler para as nossas melhores dicas para a escolha de mobiliário de exterior.

6 DICAS DE TOPO PARA A ESCOLHA DE MOBILIÁRIO DE EXTERIOR

  1. ESCOLHA UM ESTILO QUE SE ADEQÚE AO SEU TEMA

Uma das dicas mais óbvias para a escolha de mobiliário de exterior é considerar a sua estética. O aspeto certo pode fazer ou estragar um espaço, por isso, antes de tomar quaisquer decisões sólidas, pense no tema geral do seu espaço.

Um dos estilos mais trendiest neste momento é o rattan (veja por si mesmo a nossa característica de tendências de jardim). É ideal para recriar o aspeto descontraído de um jardim tradicional do campo, e quando junto com almofadas neutras, funciona bem também com todos os espaços modernos.

Falando de estilos modernos, também se poderia considerar o plástico. Claro, pode parecer estranho, mas confiem em nós. Há toneladas de estilos frescos disponíveis em formas esculturais e cores arrojadas, que podem acrescentar um elemento de diversão a um espaço. Além disso, muitos designs incluem materiais reciclados, tornando-os uma opção mais ecológica.

O metal é outra opção, e talvez uma das mais versáteis. Pode ser tradicional no estilo – pense em ferro forjado intrincado – para moderno e industrial.  O metal integra-se facilmente em todo o tipo de jardim, desde a casa de campo até ao terraço. E é frequentemente revestido a pó para um acabamento ainda mais durável, e também se pode acrescentar um acabamento colorido.

Se procura um toque mais orgânico ao seu jardim, então a madeira é uma escolha clássica. É claro que há muitos acabamentos disponíveis. Assim, quer queira rústico ou moderno, claro ou escuro, ou brilhantemente colorido ou neutro, há muitas opções quando se trata de ideias de assentos ao ar livre ou ideias de mesas de jardim para se adequarem ao seu tema.

  1. PENSAR NA MANUTENÇÃO

Outra das dicas mais importantes para a escolha de mobiliário de exterior é considerar quanta manutenção – ou falta dela – necessita.

Oferecendo a durabilidade e as qualidades à prova de intempéries para rivalizar com as dos seus equivalentes naturais, o plástico é leve e extremamente fácil de limpar, tornando-o uma excelente opção para aqueles que têm filhos.

Basta uma limpeza rápida com água saponácea, em geral, para que tenha um aspeto tão bom como novo. O rattan sintético também é simples de limpar (basta um pouco mais suave em alguns desenhos, para evitar estragar a tecelagem). Para as mesas, procure limpar os tampos de vidro, para limpar facilmente os derrames.

O metal também é fácil de tratar, especialmente se for revestido com pó. Se sofrer o estranho arranhão, basta usar uma caneta ‘corretora’ para reparar os danos. No entanto, alguns metais podem apresentar sinais de ferrugem ao longo do tempo – ceras especiais podem ajudar a prevenir isto, ou remover a descoloração ligeira.

O melhor mobiliário de madeira para jardim é normalmente construído para ser durável, a partir de materiais resistentes e duradouros que não necessitam de muita manutenção.

No entanto, alguns requerem um pouco de manutenção, se se quiser mantê-los com um aspeto impecável. A teca, por exemplo, durará anos, mas torna-se cinzenta prateada ao longo do tempo. Algumas pessoas adoram este aspeto – acrescenta um certo encanto e é ótimo para ideias de jardim em casa de campo – mas se não for um fã, pode usar um produto de limpeza especializado e um protetor de nódoas.

Não se esqueça também dos têxteis – almofadas removíveis podem muitas vezes ser colocadas na máquina de lavar roupa para um refresco (mas verifique primeiro a etiqueta). E, para uma última manutenção fácil, opte por almofadas totalmente à prova de água que pode deixar no exterior no estranho chuveiro de chuva.

  1. AMIGO DO AMBIENTE

Dicas ecológicas para a escolha de mobiliário de exterior são sempre boas a ter em conta.

Para uma escolha alternativamente sustentável, opte por mobiliário feito de plástico reciclado ou resíduos marinhos. O plástico reciclado faz tic-tac a todas as caixas, se estiver consciente da quantidade de plástico nos nossos oceanos e à procura de formas de ajudar o nosso planeta, acrescentam eles.

  1. ESCOLHA O TAMANHO CERTO PARA O SEU ESPAÇO

Ao escolher o seu mobiliário exterior, vai querer ter a certeza de que é o tamanho certo para o seu espaço.

O mobiliário vem em muitas formas e tamanhos, desde conjuntos de refeições que assentam 12 até conjuntos de bistrôs apenas para dois”. Portanto, considere quantas pessoas precisa para se sentar, e quanto espaço está disponível.

Quando se trata de mesas ao ar livre, aconselhamos a ‘adicionar um metro a mais, por cima das medidas da mesa, para que as cadeiras possam ser tiradas confortavelmente e em segurança’.

Num pequeno jardim ou numa varanda, uma mesa redonda permitirá que mais pessoas se sentem, uma vez que uma mesa redonda ocupa menos espaço’. Não se esqueça também das opções de dobradura.

Os melhores conjuntos de bistrô e mesas redondas são boas opções para espaços menos generosos.

  1. CONSIDERE O PESO

Se procura versatilidade, uma das nossas melhores dicas para escolher mobiliário de jardim é pensar no seu peso. Escolher mesas e cadeiras leves dá-lhe a flexibilidade de as deslocar se desejar – por exemplo, para dar mais espaço aos hóspedes.

O plástico e o rattan são frequentemente as opções mais leves.

  1. FINALIZE O SEU ESQUEMA DE CORES

A cor é outro aspeto importante do mobiliário exterior e pode mudar totalmente a forma como se senta num espaço. Se estiver à procura de uma opção à prova de falhas para complementar o seu espaço, opte por tons neutros. Os tons suaves como cinzentos, castanhos e tons suaves podem misturar-se em qualquer espaço exterior.

Pode já ter um esquema de cores de jardim escolhido, neste caso, estenda o tema ao seu mobiliário para uma sensação de coesão.

Outra opção é utilizar o seu mobiliário para criar um impacto ousado. Isto funciona bem se estiver a combinar com cenários neutros – pense em néon laranja contra uma cerca preta, ou azul azulado contra um muro lavado a branco.

É uma forma segura de animar um espaço e acrescentar um estilo contemporâneo.

Veja aqui algumas das nossas ideias coloridas de mobiliário de jardim para muitos desenhos deslumbrantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.